Parece que foi ontem!

janeiro 29, 2015

Parece que foi ontem mas lembro me como se fosse hoje.  Já era Outubro o frio já dava ar de sua graça "lá fora" chuvia torrencialmente, o baby T. ainda estava no quentinho, pertinho do meu coração. Andava com a cabeça feita em água, estava de repouso à imenso tempo e mal saia de casa. As malas estavam meio prontas mas falta a peça chave, ou melhor ela existia mas eu achava-a tão pequena que nem com ela contava.  A primeira roupinha!  Já andava a idealiza-la tinha de ser fofinha, linda e amarela. Há quem diga que o amarelo dá sorte, eu também vesti amarelo quando nasci porque é que ele nao haveria de vestir? Sai de casa "as escondidas" do médico pois onde eu devia estar era na cama, e lá fui ao mundo do bebé. Aquela lojinha de avenida onde há de certeza uma peça de roupa que gostas ou uma manta.  Cada babygrown mais lindo que o outro, tudo tão doce. Mas eu já tinha um objectivo. Fui direta aos amarelos mas só havia um! Não era o babygrown, com que tinha sonhado na noite anterior, não era de todo o que eu tinha idealizado. Mas até que não era feio. Vai este, o Tomás estava com pressa em nascer o tempo já não era muito para andar a proucura de outro. Fui me habituado a ideia de que aquele seria o seu primeiro babygrown, a sua primeira peça de roupa.
E acreditam que ao fim de dois meses ainda lhe serve! Senti-me tão nostálgica a olhar para o Principezinho com ele vestido. Parece que lhe estou a ver deitado dentro do berço, com uma ou duas horas no máximo de nascido, e a enfermeira a vestir a bruta cada peça de roupa, vejam como ela era que o "pobre" menino ficou todo mal vestido! Blusa de fora do macacão onde já se viu!? Como estão estás pessoas aptas para estes tipos de trabalhos! E assim fico, dentro do babygrown mal se via o baby T. sobrava tecido por todo o lado e era apenas um tamanho 1! O meu menino era um ratinho, e hoje!? E hoje com a mesma roupa vestida, desta vez bem vestida! Mãe é mãe claro. Tudo fica no sitio não sobra mais espaço nos pés nem nos braços. Só de pensar que pouco mais o vai usar! A história de um babygrown não um babygrown qualquer mas sim o Babygrown! 

Tentei tirar uma fotografia hoje com ele vestido mas infelizmente o Tomás agora muda de babygrown meia duzia de vezes por dia e não tive tempo de tirar antes de ele se sujar :( 

You Might Also Like

0 comentários