Diário #04/09/2015

setembro 04, 2015

O dia começou cedo, eram 8 da manhã e o Tomás bebia o biberão ainda a dormir. Enquanto isso eu ia me despachando, vestir e preparar o que era necessário. E por fim faltava vesti-lo. Bebé vestido estamos prontos para sair de casa. Eram um quarto para as nove quando saimos, de casacos vestidos porque as manhãs já não são as mesmas.

Chegamos a creche e o Tomás foi ao colo da auxiliar, ainda pensou em chorar mas a auxiliar levou logo para brincar e acabou por ficar bem.

Lá vim eu de mãos a abanar e de coração vazio para casa. Chegou a uma casa vazia, sem vida nem alegria. Porque sem o Tomás aqui nada é igual. Faltava ele no chão a mexer em tudo ou na caminha a dormir e nós a evitar fazer barulho para não o acordar. Deitei me e dormi um pouco.

Arrumei a casa fiz tempo para o ir buscar e lá fui eu. Cheguei ao infantário e lá veio ele ao colo da auxiliar todo contente tinha acabado de lanchar.

Fomos ao café com a avó e depois a baixa com a tia.

Hoje foi dia de jantar especial aqui por casa. A mamã e o papá fazem 20 meses de namoro e hoje também comemoramos 2 meses na casa nova.

São 22:20 e o Tomás anda a fazer asneiras. Amanhã é outro dia. Boa noite!

You Might Also Like

3 comentários

  1. Custa tanto chegar a casa quando eles não estão... Mesmo quando sabemos que estão bem!

    http://adorosercomosou.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Parece que somos todas iguais, também eu vim com o coração apertadinho...

    ResponderEliminar