Era uma vez um galito

outubro 22, 2015

A nossa noite ontem terminou mal, com uma valente cabeçada no chão! Não sei o que se passava com o Tomás ontem, mas o que é certo é que ele não queria ir para a cama por nada neste mundo, se o lá metiamos ele começava a chorar desalmadamente. Então desisti e deixei o brincar na sala. Por vezes aconchegava-se nos brinquedos, almofadas ou mantas e cochilava, mas logo despertava e lá ia ele. Já eram onze e pouco sentou-se a ver a televisão, ao fim de um pouco pumba! Um grande estrondo e logo a seguir um valente choro! Sim o Tomás deixou se dormir e caiu para a frente. Bateu com a cabeça no chão e fez logo um galito, que hoje mal se nota. 
É muito raro o Tomás lutar contra o sono mas ontem estava de mais. 

You Might Also Like

0 comentários