O que é preciso para comprar casa!?

janeiro 07, 2017

Quem já nos segue já sabe que compramos casa no fim de Dezembro e quem nós acompanha nas redes sociais já viu algumas fotografias mas hoje vim vos contar tudo sobre este processo. Este será o primeiro post de um novo tópico aqui no blog. Em breve aqui em cima haverá uma divisão sobre a nossa casa onde depois poderão ver todos os post's sobre este tema, porque afinal ainda haverá muito para falar sobre isso há ainda muita coisa que queremos mudar.

Vamos começar pelo início sim!? Muita gente não sabe como funciona o processo para comprar casa, o que é necessário e muito menos como iniciar a procura.

O nosso caso foi um caso raro e tivemos muita sorte, arranjamos um agente imobiliário excelente apesar de eu por vezes já não acreditar nas palavras dele, mas aprendi com isto tudo que é preciso apenas ter calma!

Nós não andávamos a procura de casa para comprar, bem mais ou menos. Moravamos numa casa alugada e com uma renda um pouco alta para o nosso orçamento familiar e andávamos sempre de olho nas páginas e sites de imobiliárias. Se surgisse um achado maravilhoso para alugar óptimo se não não havia pressa, comprar pensávamos que seria algo impossível visto que o namorido ainda não estava afetivo e não tínhamos fiadores.

Um dia por acaso o namorido chegou ao contacto do Sr M. tudo por causa de uma prima que estava em processo de compra com ele. O Sr. M. mostrou nos uma casa e disse que podíamos tentar meter a papelada porque tentar não custa e quem sabe não fosse aquela a nossa casa. Eu fui um pouco contra porque achava que ainda era cedo, ainda somos muitos novos e não é fácil (cedo nada minha rica casa!!). O namorido lá entregou a papelada necessária e o Sr. M. lá iniciou o processo. Eu não gostei da casa, era num sexto andar, num bairro que não é lá muito famoso por aqui e estava contra o namorido querer aquela mas como ele decidiu avançar na mesma eu não disse mais nada. Começamos este processo no fim de Julho, poucas semanas depois da entrega dos papéis veio a resposta do banco como aceitava baixar o valor que estava a ser pedido (casa do banco). Depois de várias conversa consegui convencer o namorido a mudar de ideias e ele lá falou com o Sr. M. que foi super acessível demos baixa do processo daquela casa e ele logo nos mostrou outra (a nossa). Agradava me muito mais, um bairro onde já tinhamos morado (na mesma rua), um bairro calmo e pacífico, perto de tudo na mesma, um primeiro andar, uma sala grande e uma casa de banho que dava para fazer duas! Gostei de tudo apesar de precisar mudar muita coisa que não está ao nosso gosto. Lá avançamos com o processo em Agosto. Veio a primeira resposta do banco como aceitava baixar o valor e mais tarde a resposta deles que o empréstimo não tinha sido aceite.

Desmoralizei e já não acreditava em nada disto mas o Sr M. sempre muito confiante "A casa é vossa, vou ver o que consigo fazer, não vamos desistir já!" e foi assim esperamos até Novembro praticamente três meses à espera, eu já não acreditava mas o namorido todos os dias falava no mesmo. E em Novembro no dia antes do Tomás fazer anos chegou a tão esperada noticias! Positiva claro!!!

Como não tínhamos fiadores e o namorido não estava afetivo o banco limitou um pouco. O dinheiro que tínhamos pedido a mais para a escritura e para as obras não nos poderia ser emprestado sem fiadores mas o dinheiro total para a casa era nosso. Nos fizemos contas a vida e aceitamos a  proposta. Metemos algum para a escritura e as obras vão ficar para mais tarde.

O nosso caso foi muito complicado porque não tínhamos o que normalmente é exigido por eles mas tínhamos duas mais valias que é o namorido a contratos de 6 meses (contrato temporário seria impossível)  e um IRS alto porque não havia muitas despesas do ano passado. Foi um processo demorado dês do início da entrega dos primeiro papeis até ao dia da escritura passaram mais de 6 meses!

Quero que o nosso caso sirva de exemplo apesar de ter sido muita,  muita mas mesmo muita sorte somos apenas a prova que tudo é possível, por isso não desistam, tentar não custa,  o não está sempre garantido mas lá do fundo ainda pode chegar um sim.


Se tiverem mais questões podem deixar aqui ou se preferir falar em privado mandem mail para dianabritogoncalves@gmail.com 

You Might Also Like

2 comentários