#notechday - Afinal o que andamos a fazer?

agosto 17, 2017

Afinal o dia é bem grande e 24 horas chega para muita coisa se o nosso foco não for apenas telemóvel e internet. 
Mas o que fizemos nos o dia todo, como nos distraimos e no que pensamos? 

Acordamos com o melhor despertador do mundo e arredores que não abdicou dos seus vídeos matinais. Pediu bolachas, papas, leite e iogurtes mas acabou por não comer nada de jeito. A mamã não teve direito a leite na cama feito pelo papá, porque ele vingou se.  Agarrou se ao telemóvel para me provocar e lá tive eu de ir fazer o meu leite com café. 


Vestimos nos e fomos ao café. Onde caiu a ficha e passei um pouco mal, parecia uma E.T vinda de outro planeta em que não existiam tecnologias. Brinquei com os carrinhos dele e tentei conversar, não foi fácil vê los todos de telefone nas mãos, mas mantive me forte! 




De regresso a casa e sem o meu fiel amigo agarrei me ao pano e a lixívia e meti a casa de banho num trinco, de embalo arrumei o resto da casa, aspirei, limpei o pó, lavei e até deu para fazer umas trocas no quarto do Tomás. Houve tempo ainda para lavar, estender e apanhar roupa, alguma dela até ficou logo arrumada nas gavetas. 

Com uma tarde ainda a meio era preciso arranjar planos para tirar a peste um pouco de casa e lá fomos nós até à casa da bisa onde ele pode correr e saltar a vontade, ver galinhas e apanhar pêssegos, onde ele joga a bola e come bolachas.  Bem, onde ele é feliz!! Ficamos lá cerca de uma hora, que foi bastante produtiva. Rendeu uma caixa cheia de fruta, muitas fotografias e muitos sorrisos! 





Um espantalho improvisado. 






Ainda houve tempo para um chocolatinho! 

Jantamos pizza pela casa da avó e de regresso a casa caímos a cama cansados e felizes! Ele adormeceu logo, eu... Bem eu não resisti e tive a contar os minutos até a meia noite porque já estava a morrer de saudades vossas! 

Quero que este dia deixe de ser apenas um desafio e seja um dia de exemplo que irei repetir muitas mais vezes, afinal só não sou capaz se não quiser! 

You Might Also Like

1 comentários

  1. Só por aqui percebemos o quão dependentes somos das novas tecnologias 😕

    ResponderEliminar